IPI reduzido para carros 2013

IPI reduzido para carros 2013
f77775856904e1681cf55c0

Temendo uma redução das vendas de automóveis, o governo divulgou a manutenção da alíquota reduzida do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI. No final do ano passado, o governo brasileiro determinou que haveriam três aumentos sobre o valor atual do IPI, o primeiro foi confirmado em Janeiro, mas os próximos que estavam previstos para esse mês e para Julho foram cancelados. De acordo com o afirmado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, o aumento do imposto poderia repercutir negativamente sobre o mercado de automóveis nacional.

Veículos acima de 2.000 cm³ permanecem com alíquota sem alterações e os consumidores deverão pagar 25% de imposto para os veículos a gasolina e 18% para os carros flex. Os caminhões também permanecem com a alíquota atual, a menor entre todos os automóveis, de zero por cento. A reduçãodo imposto deverá permanecer até o dia 31 de Dezembro deste ano, o que representará uma renúncia fiscal de R$ 2,2 bilhões para o governo, com base no cálculo de arrecadações já programado. Mas, em contrapartida, representa também um estímulo para todo o setor automobilístico, que inclui também indústrias de autopeças, de estofamento e acessórios

Desta forma, veremos o imposto subir três vezes em 2013:

  • Carros com motor 1.0
    Atualmente sem impostos, a partir de janeiro terão 2% de alíquota. Em abril, o valor sobe para 3,5% e em julho, volta ao valor original de 7%
  • Carros com motor a gasolina entre 1.0 e 2.0
    Mesmo com a redução, o imposto atual é de 6,5%. Em janeiro, será 8%, subindo para 10% em abril e retornando aos 13% em julho.
  • Carros com motor flex entre 1.0 e 2.0
    Saem dos 5,5% para 7% em janeiro. Em abril, a alíquota sobe para 9% e, em julho, 11%.
  • Utilitários
    Com apenas 1% de imposto, o nível sobe para 2% no primeiro mês de 2013, passando para 3% em abril e 8% em julho.



Deixe um Comentário

Copyright © Va Dormir - Acesse ou Va Dormir